Cotidiano, condominios

Cuidados com aquecedores que você precisa adotar no inverno

Aquecedores a gás, portáteis, lençóis elétricos, são tantas opções para se aquecer no inverno, mas é preciso atenção para usar esses equipamentos em segurança

Publicado em 28 de Julho de 2020
Tempo de leitura:

O inverno começou em junho, mas foi na última semana de julho que as temperaturas começaram a cair, registrando 13° na grande São Paulo, e nos obrigou a tirar os casacos e cobertores do armário.

E, as próximas semanas, de acordo com o Climatempo, a temperatura não ultrapassa a máxima de 27º, com mínimas de até 12º. A estação mais gelada do ano faz com que as pessoas busquem nos aquecedores, dos mais variados modelos, para manter os ambientes aquecidos, principalmente neste momento em que a recomendação é para ficar em casa.

Muito é escutado sobre as medidas de segurança para o uso dos aquecedores a gás, mas, é preciso atenção à utilização de todos os equipamentos utilizados para climatizar a casa, eles podem causar acidentes e devem ser usados com cuidado.

Aquecedores a gás

Para a instalação e manutenção deste tipo de equipamento, é necessário a contratação de um especialista, devido ao risco de vazamentos ou ocorrência de acidentes. O aquecedor a gás é a opção mais recorrente em condomínios, por ter, apesar do alto custo de instalação, uma longa vida útil (cerca de 15 anos) e gerar economia ao usuário. Eles sempre devem ser instalados em locais com ventilação permanente, e com utensílios adequados, como válvulas termostáticas, controle de pressão e chaminé de exaustão.

A chama deve sempre apresentar a coloração azul, se estiver amarela, a regulagem não está adequada e a combustão não é completa, o que resulta na produção de monóxido de carbono, que causa intoxicação, podendo levar a morte. Por isso, sempre se mantenha atento ao funcionamento do seu equipamento.

Aquecedores portáteis

Por ser uma opção mais acessível, e prática devido a sua mobilidade, os aquecedores portáteis têm se tornado uma boa escolha para enfrentar o frio. Porém, é necessário que sua instalação e utilização esteja de acordo com as orientações dos manuais de instrução. Além de, realizar revisões periódicas nos aparelhos para minimizar as falhas.

É recomendado que eles estejam fixados em locais seguros, distantes de crianças e animais de estimação. E, mantidos a uma distância segura de tecidos e outros materiais inflamáveis. Isso porque, o equipamento gera calor o que pode causar queimaduras, e acidentes. É importante ressaltar, que seu uso deve ser feito em ambientes com portas ou janelas entreabertas, para que o ar circule e a umidade do ar seja mantida.

Lençóis e mantas térmicos

Os lençóis e mantas térmicos são ótimas opções para quem se incomoda com o frio apenas na hora de dormir. Mas, assim como os outros equipamentos possui recomendações para o uso seguro. Eles não podem permanecer ligados por um longo período, por isso é recomendado que sempre que não estiver em uso, o equipamento seja desligado. Além disso, eles não devem ser ligados dobrados ou com uma quantidade excessiva de peso em cima e usados para se envolver. Cuidado com líquidos que podem ser derrubados na cama e com a utilização do lençol por crianças.

Lareiras

Uma opção não muito convencional, mas utilizada, é a lareira, assim como a instalação e manutenção dos aquecedores a gás devem ser feitas por profissionais capacitados, a lareira também precisa de atenção, pois é necessário isolar o fogo adequadamente, para evitar que crianças e animais de estimação sofram acidentes. Sua utilização deve ser feita em ambientes arejados devido a emissão de gás carbônico que pode causar graves acidentes.

Não é aconselhável, em hipótese nenhuma, usar métodos alternativos para o aquecimento, como queima de álcool e gasolina em panelas. Além de queimar o oxigênio disponível no ambiente, aumentam o risco de asfixia, e são causadores de incêndios frequentes.

É preciso também ficar atento à instalação elétrica do ambiente em que esses equipamentos serão utilizados. Equipamentos antigos e de baixa potência podem apresentar problemas e aumentar consideravelmente os riscos. Em caso de dúvidas, procure o zelador ou o síndico do seu condomínio para verificar qual a melhor opção para seu imóvel. Assim, você poderá aproveitar o inverno quentinho e seguro.

Comentários